terça-feira, 10 de junho de 2008

Bolo de banana



Ultimamente anda muito em voga fazer bolo de banana. Eu confesso que nunca tinha experimentado, talvez por não morrer de amores pelo fruto ou por não ter uma receita que me tivesse despertado para usá-la. Mas, depois de ter visto tanta postagem de bolos com banana, decidi-me e cá está a receita escolhida. No fundo, acho que fui incentivada a preparar algo com este fruto porque, a cada dia que passa, a nossa républica transforma-se em républica das bananas e temos que aproveitar e colher o fruto antes que apodreça. Acho que mesmo tentando aproveitar as bananas que vão aparecendo, nem em cem anos conseguiria acabar de as colher. Já Eça dizia, sabiamente, que morremos do mal de sermos portugueses. Morro vagarosamente enquanto cozinho bananas e enquanto anseio cozinhar uma outra espécie de "bananas". Adorava que esses sentissem a minha mão enquanto trabalho a massa, que se misturassem com ingredientes menos ricos em nutrientes e vitaminas, que ficassem uma horinha no forno à espera que lhe espetassem o palito para ver se está prontinho a saborear. Porque um bolo não se faz só com bananas e enquanto pensarmos que é assim, continuam os outros ingredientes a submeter-se a um que até nos tenta obstipar. Ora, isso é a prova provada de que uma républica de bananas não há-de ser muito saudável, certo? É que enquanto as bananas forem utilizadas em bolinhos como este, não me custam nada a engolir e saborear, mas as outras... as outras estão atravessadas e começam a sufocar uma nação, uma pátria. Porque Portugal é mais, muito mais que isto que vamos vendo, ouvindo e sentindo.

Ingredientes:
1 nação em crise
1 primeiro ministro com "curriculum" comprado... ups... enganei-me na receita :) Meus queridos, riam que é a boa disposição que nos vai salvando ;)


Ingredientes:
100g de manteiga (usei 85 de óleo de soja)
4 bananas médias maduras (usei 3 apesar de existir praí muito banana)
1 dl de natas
3 ovos
250 g de açúcar (usei 200 porque a banana já é um fruto muito doce, embora algumas sejam tudo menos doces, mas isso é outra história)
400g de farinha (usei 350 + 50 de farelo de trigo)
2 colheres de chá de fermento em pó
100 g de miolo de avelã ralado (em época de crise, avelãs só mesmo no Natal, portanto não usei)100 g de chocolate para bolos (usei chocolate de leite para bolos, mas o negro é melhor)
1 dl de natas para juntar ao chocolate

Preparação:
Derreter a manteiga. Descascar as bananas - é a parte mais complicada ;)- esmagar com um garfo e misturar às natas. Bater os ovos com o açúcar. Misturar a farinha com o fermento em pó e o miolo de avelã e ir juntando, bem como a manteiga derretida, ao creme de ovos. Juntar o puré de banana. Aquecer o forno a 180º. Untar a forma e polvilhar com pão ralado. Encher com a massa e alisar. Meter no forno durante uma hora e um quarto (no meu forno a gás demorou cerca de 45m). Desenformar e deixar arrefecer numa rede. Derreter o chocolate com as natas no microondas e cobrir com ele o bolo.




Nota: Como sempre, quando começo a escrever nunca sei bem onde vou parar. Não pretendo ferir susceptibilidades políticas e sociais com o que escrevi. Acima de tudo utilizo o meu estatuto de cidadã eleitora e permito-me criticar o que acho que está menos bem. Porque quem cala consente, e eu não consinto mas vou sentindo na pele a crise e, calada não me faço ouvir. Por isso, comam bananas e sejam felizes :) A receita foi retirada da colecção Cozinhar Melhor "Bolos"

Bom dia de Camões, de Portugal e das Comunidades Portuguesas.

25 comentários:

Natércia disse...

Minha linda Ameixinha! adoro ler os teus postes ao menos rio é o que mais preciso como tu dizes são só bananas. Gostei muito do bolo também quero fazer um banana.Um bjo. Natércia...

Migas disse...

Eh lá... A ameixinha está zangada. E eu compreendo-te querida. Tenho uma amiga com a tua profissão que, após 1 ano à espera, vai agora para hospedeira da raynair. É isso mesmo. E olha, acho que até podemos acabar por descobrir outros interesses. E às vezes, infelizmente, é preciso tomar a atitude de escolher outro país para se viver. Não que a minha escolha seja boa, pois este país é tudo menos bom para viver mas, acredito que depois deste período cá, dificilmente voltarei para Portugal. Qualquer coisa, dispõe.

O bolinho, está bem ao meu gosto! :o)

Beijos

Cláudia M. disse...

Ameixa, o bolo está com mto bom aspecto e deve ser bom, infelizmente já o mesmo não se pode dizer do estado do país... Hoje tb dei por mim a pensar que nunca estive tão desiludida com Portugal neste dia que lhe é dedicado, como agora. Ou melhor, não é com Portugal, é com quem o pôs neste estado, ao país e a nós, que investimos tanto e agora temos que andar a "mendigar" um trabalho compatível com as nossas habilitações. BJS

Letícia disse...

Olá, passei pelo teu blog por causa do bolo de bananas e não é que encontro uma pessoa irritada com a situação política do seu país, achei que só no Brasil tivéssemos esse tipo de problemas, todos corrompidos. Li o comentário acima e não sei se é uma boa solução morar em outro país. Acho que o mundo está precisando de ética, justiça e igualdade de condições para todos. Enfim, se a deixa feliz, o bolo ficou muito bonito, coma com prazer, sem pensar nessas coisas nesse momento, senão irá ser indigesto e não vale a pena passar mal por esse tipo de gente.
Bjos.

Luciana Macêdo disse...

Dê uma "banana" para a situação e delicie seu bolinho que parece estar ótimo.
Bjs!

cupido disse...

Bem, o Eça também disse que os politicos e as fraldas deviam ser periodicamente trocados e pela mesma e essencial razão.
Mas não acho que sejam bananas, acho mais que são serpentes...

edinha disse...

O bolo deve ser uma delícia.
Quanto ao resto acho que está cheia de razão.As coisas por cá vão de mal a pior o que é uma pena porque os portugueses que são pessoas fantásticas não merecem.
Beijinhos

Vivian disse...

que delicia!!!
comi um bolo de banana como o teu, na casa da minha cunhada. Peguei a receita mas acabei nao fazendo ainda. Agora vc esta me estimulando a ir pra cozinha
bjos

Talula disse...

Bolo de banana é bom demais!
:)
É, de políticos "banana" nós brasileiros entendemos muito!
Beijos

ameixa seca disse...

Natércia, ao menos rimos que faz bem à saúde e evita as rugas :)
Migas, o caso não é para menos. Alguns ainda conseguem arranjar alguma coisa que não é na área mas eu nem isso consigo. Falta a experiência e tal. Se continuar assim, morro sem experiência. Poderia emigrar mas nunca seria para trabalhar na área. Não sou engenheira... as coisas funcionam de modo diferente, infelizmente ;) E olha que se eu precisar eu disponho :) E tu faz o mesmo ok?
Claúdia, eu continuo sem entender o significado destes dias... a festa que as pessoas fazem, a alegria que transparecem. Há-de chegar uma altura que teremos que olhar para o país e entender que algo está podre nesta republica. Até lá... tenhamos fé e paciência ;)
Leticia, obrigada pela visita. Se fosse só o Brasil... mas não é. Nós por cá também estamos em crise... muita corrupção, muita mafia, muito abuso de poder, etc... E o povo é que padece. O bolo não tem culpa nenhuma. Esqueci-me de dizer que estava muito bom e todos gostaram. Aliás, só pensei nos outros "bananas" quando estava a escrever o texto para colocar no blog. O bolo foi feito com carinho... nada de raiva nem tristezas ;)
Luciana, dei umas quantas bananas para a situação. Comi e gostei... o resto é história :)
Cupido, o Eça era um porreiraço... ele é que sabia das coisas e da podridão em que vivia este país e o futuro que o reservava. É por isso que o leio de fio a pavio e não me canso...
Edinha, primeiro que tudo trata-me por tu... eu faço o mesmo contigo e espero que não me leves a mal ;)
A maioria dos portugueses não merece e os que merecem são os que se safam... enfim.
Vivian, eu esqueci de referir que, apesar de não ser fã de banana, adorei o resultado no bolo e vou fazer novas receitas com banana em breve ;)
Talula, acho que é herança da lingua portuguesa. Politico banana, será? ;)

Noémia disse...

Passei por acaso no seu blog e gostei!Eu também não sou fã de banana mas esse bolo deve ter ficado óptimo, não duvido, tenho pena é que não tenha continuado a "outra receita", podia ser que cozinhasse uma boa solução para o país. Bem precisamos!

monica disse...

Ameixa, quanto ao estado da nação, compreendo totalmente a tua revolta e frustração. Mas enquanto vamos tendo vontade de fazer uns bolinhos bons como o teu e vamos tendo alegria em os partilhar, então ainda há esperança.
Não podemos deixar que uma cambada de " figuras" que nem sequer conhecem a realidade do próprio país que governam ( muito mal ), nos tirem a alegria de viver.
Anima-te que tristezas não pagam divídas. Beijinhos e tudo há-de correr bem ( é nisso que precisamos acreditar! )

claudia disse...

Olá, não desiludas que logo logo vais estar com um cargo à tua altura e arranjarás emprego! Anima-te! Qt à gelatina, devo dizer-te que com o leite e o leite condensado o sabor e a textura nada têm a ver com a tradicional gelatina, experimenta e logo vês! Adorei este bolo de banana, tem um aspecto guloso!

turbolenta disse...

TAMBÉM nunca me deu para fazer bolo com banana.Aliás até as consomem mais cá em casa no Inverno que agora que o tempo quente parece ter vindo para ficar.
Confesso que ando com uma certa curiosidade em experimentar.
E este ficou com uma aspecto óptimo.
boa semana

Nela disse...

Olá pões tens camiões de razão em estar revoltada,sabes ás vezes tenho vergonha de ser portuguesa.E então agora com a crise em que estamos!acho que dia após dia está tudo a piorar,superes a ficar vazios,postos trabalho cada vez menos é triste,e dá que pensar.A minha filha tambem tem um curso superior,e está a tirar segundo mestrado,mas foi muito complicado arranjar trabalho,mas conseguiu não desistas Nunca de lutares pelo o que queres,hás de conseguir querida.O bolo de banana vem a calhar tenho sempre em cesa,mas só eu as como vou experimentar.bjito

Marcos disse...

Ameixa obrigada por partilhares esse bolo! gostei muito um beijo. Marcos:))

pipoka disse...

O problema é que o estado das coisas se mantém há demasiado tempo...desde o Camões. Agora a sério, eu diria que o n.º de licenciados no desemprego adensou-se há 5 anos e mantém-se até hoje...talvez seja por isso que o Sócrates arranjou emprego como 1.º ministro (é que ele não é realmente licenciado!).

bjs

PS - eu gosto de bananas, mas só do fruto... as outras irritam-me muito!

ameixa seca disse...

Noémia, obrigada pela visita :) A outra receita está ao lume ;) eh eh
Monica, como eu costumo dizer "haja saúde e alegria" o resto tem o seu tempo e há-de vir ;)
Claudia, é verdade. Eu nunca desanimo por isso é que não me calo :) Também achei que a gelatina no meio desses ingredientes não se percebia ;)
Turbolenta, eu também nunca tinha experimentado e a curiosidade levou-me a testar uma receita. Agora vou testar outras. Gostei bastante... fiquei fã ;)
Nela, eu tenho uma certa tristeza com as condições em que o nosso país está. Mas vou tendo esperança. Acho que é isso e a paciência que nos vão salvando ;)
Marcos, não tens que agradecer. experimenta ;)
Pipoka, se o Camões adivinhasse que isto ia ficar assim, cegava do outro olho e não escrevia os Lusíadas eh eh. O senhor canta o ilustre povo lusitano mas esse povo já era... agora é mais o embuste a que o povo lusitano foi submetido ;)

anna disse...

Também não sou apreciadora de bananas, nem me dá para fazer sobremesas com elas, mas o teu bolo está um conquistador...
Compreendo bem melhor do que possas pensar o desencanto que estás a sentir...
Beijinhos.

Mamã Catarina disse...

Sabes Ameixinha, nestes dois últimos dias tenho andado um pouco afastada da Net, em parte porque ando a tentar pôr umas coisas em ordem aqui por casa! Quando hoje aqui vim para actualizar as minhas escritas e leituras, no mesmo minuto tive vontade de desligar o computador e ir dormir, acreditando que amanhã acordaria num dia melhor! O nosso país está caótico, e eu confesso que estou com receio do futuro, porque não sabemos onde e quando esta crise vai parar! Tenho duas filhas pequenas para criar e temo muito por elas, temo que lhes falte algo :(

Mas bom, agora vou falar do teu bolinho, senão acho que me dá agora mesmo um piripaque nervoso e caio para o lado! Eu também nunca fui muito apreciadora de doces que contenham a banana, e quanto a bolos não aprecio particularmente nenhum que leve frutos! No entanto, apraz-me dizer que o chocolate que utilizaste para a cobertura é de tal forma chamativo que acho que vou arriscar a experimentar esta tua receitinha :)

Beijinhos!!

Nani disse...

O nosso país tá a precisar de ser todinho renovado, adoro os teus comentários é um melhor do que o outro.
Bolinho de banana é um doce e com cobertura de chocolate é combinação perfeita, bjs

Marcia disse...

O blog é o teu espaço de dizer o que achas. Gosto muito do teu jeito, pois és verdadeira e corajosa... Ah, o bolo tb é muito bom! ;D Bj

Saltapocinhas disse...

nunca fiz bolo de banana porque gosto muito de banana e acho um desperdicio gastá-lasem bolos.

mas este abriu-me o apetite e a vontade de experimentar!

Joanissima disse...

Ameixinha,

acho os teus textos deliciosos tnato ou mais que as iguarias maravilhosas que aqui partilhas.
Estou cliente e fã.

Um grande beijo,
Joana

ameixa seca disse...

Anna, o bolo de banana encontou um pouco do meu desencanto. Devias experimentar... pode ser que passes a apreciar ;)
Catarina, quando temos seres que dependem de nós, as coisas complicam-se. Eu continuo a acreditar que isto vai levar um rumo. Não sei quando, nem onde, nem como... mas tenho paciência e, um dia, sei que há-de acontecer algo de melhor. E entretanto, come-se um bolinho com chocolate para repor energias ;)
Nani, estamos a precisas de limpar a fachada e de um check up às entranhas. Temos que saber se vamos a tempo de tratamento ou se estamos em fase terminal certo? Eu acredito que um tratamento de choque melhorava isto.
Marcia, obrigada ;) Ás vezes temos que transmitir o que nos vai na alma, fazer com que nos oiçam, lutar pelo que é nosso, salvaguardar a sanidade e a auto-estima que tentam enxovalhar. É ou não é? ;)
Saltapocinhas... é outra maneira de cmer banana e olha que é bem bom ;)
Joana obrigada pela visita ;) Gosto de saber quem é que me lê. E fã não... começo a sentir-me famosa e depois ninguém me pára eh eh ;)
Obrigada a todos e boa sexta e bom feriado :)