sexta-feira, 19 de agosto de 2011

Melancia marinada numa estória


Entrou acompanhado da esposa e do filho no que era o novo hospital. Tinham-lhe dito que a próxima consulta já seria nas novas instalações. Mas ele não esperava um edifício daquela dimensão! Teve que percorrer uma estradinha em paralelo até alcançar a entrada principal. Quando entrou, sentiu que aquilo era tudo menos um hospital. Tinha até um cabeleireiro no piso térreo. Imaginem só, um cabeleireiro num hospital! Acolheu-o um ambiente tão pacífico, tão amplo e limpo que mais parecia um shopping. Sim, de repente achou que era fim de semana e tinha sido arrastado pela esposa para ver as montras. Antes fosse! - pensou e suspirou nervoso.
O pior de tudo é a espera, sentar e aguardar que a menina chame. Na salinha, sentada na fila da frente, uma freira - denunciada pelo hábito - de livro aberto mas a piscar o olho para a televisão. Na fila de trás uma jovem lia pacificamente A Sentinela. Sem dúvida - pensou - Deus está aqui! Ele queria mesmo ser salvo, bastou a aflição da operação, a incerteza do futuro, o desnorte e as lágrimas. Da pior maneira tinha percebido que os homens também choram e não é pouco! Com ternura abraçava o filho ainda pequeno, senti-lo agarrado a si era o que tinha de melhor, isso e o resto da vida pela frente. Fora marcado para sempre e as duas cicatrizes na cabeça faziam-lhe lembrar disso todos os dias. Todos os dias era mais do que suficiente para abraçar os seus e para recuperar o tempo perdido. Daqui prá frente, ele sabia que todos os segundos contavam e ele fazia conta de os registar. Queria saborear tudo, incluindo o palato que Deus o fez recuperar através das mãos do senhor doutor :)

Ingredientes:
1 melancia
3 laranjas
canela em pó q.b.
1 ramo de hortelã pimenta
1 pau de canela

Preparação:
Corte a melancia e, com colher apropriada, retire-lhe a polpa em pequenas bolas. Coloque-as numa taça.
Esprema o sumo às laranjas.
Polvilhe com canela as bolinhas de melancia e junte-lhes o sumo das laranjas, o pau de canela e o ramo de hortelã.
Leve ao frigorífico e deixe repousar durante 30 minutos. Sirva assim com o sumo.



Notas:
Podem fazer com menos melancia, diminuindo a quantidade de sumo de laranja.
A colher que usei é a colher parisiense.
Receita retirada da Tele Culinária nº 1176, Setembro de 2001.

Bom fim de semana!

33 comentários:

Sofia.Lopez disse...

Ameixinha,
Linda estória... deixa-nos a pensar no que é essencial, darmos valor à vida e aos que amamos, todos os dias, a todo o momento. A Sentinela é uma revista maravilhosa, Deus estava ali, sim :)
A melancia é dos meus frutos preferidos no Verão...desta maneira nunca experimentei, mas agradou-me muito... com canela tudo fica bem melhor!...canela moída é o alimento que mais nos fornece ferro...:) ponho em quase tudo...
Beijinho e bom fim de semana!

Bruna do Gourmandisme disse...

Bela história e deliciosa receita! beijos e bom fim de semana!

Fla disse...

É querida, para Deus nada é impossível né?!
=)
Adorei a melancia, achei lindinha a apresentação.
Bjs

Elen disse...

Uma delícia no verão hein!!
Parabéns!!
Abs.
Elen.
seguindo...
www.noznamoscada.blogspot.com

ameixa seca disse...

Sofia, concordo contigo :) Experimenta assim a melancia e vais ver que faz toda a diferença.
Bruna, Elen, obrigada :)
Fla, nada mesmo :)

Meu Canto Na Cozinha disse...

Deus esta sempre presente, principalmente quando mais precisamos!! Me prendi na historia e a visao do prato de melancia me encheu os olhos
Bom final de Semana
Bjs
Paty

Simples Assim disse...

Oi Ameixa,
Um texto lindo e que nos mostra o que vale a pena no mundo e que, com certeza "Deus está aqui!", conosco, como você disse.
Bj e bom fim de semana,
Lylia

Romy disse...

Adorei a sobremesa!! Bem fresquinha saberá às mil maravilhas :-)

Bjokas

NATÉRCIA disse...

Ameixinha,amei a tua estória....e também a melancia um beijinho.

Karla disse...

Muito bonito, tudinho...a história e o prato de melancia :)

Ginja disse...

Bonito texto! Temso de dar muito valor à vida e àqueles que amamos.
Quanto à melancia irá ser um sucesso amanhã como sobremesa de domingo ao almoço. Linda, fresca e com canela...hum. Maravilha.
Um beijinho.

Marly disse...

Gostei do texto, que nos lembra da nossa frequente indiferença com relação às coisas importantes. Nunca comi melancia assim, que rica! rsrs.

Beijoca!

ameixa seca disse...

Paty, eu acho que sim, sempre :)
Lylia, pena que seja preciso acontecer algo de mau para percebermos o que é importante :)
Romy, Natércia, Karla, obrigada :)
Ginja, espero que gostem :)
Marly, há que dar muito valor ao que temos, ao que é realmente nosso :)

Isa Lourenço disse...

Ameixinha,


Confesso que é uma combinação um pouco intrigante para mim!
Melancia e canela :/

Provar para crer ;)


Bjocas

ameixa seca disse...

Isa, se não provares vais ficar sempre em dúvida. Canela combina com a maioria das frutas :)

RUTE disse...

Olha as bolinhas de melancia!
A minha filha ia gostar disso concerteza. Especialmente pelo molho com sabor a canela. Ela é vidrada em canela!!
Beijinhos às bolinhas.
Rute

Rachel disse...

A marinada é deliciosa, imagino que deva ficar mesmo boa fresquinha.
Este ano ainda não comi melancia, não sei porquê estou mais virada para o melão.

Bjs

Mary disse...

Agora deu-me vontade de experimentar um sumo de melancia e laranja com canela! E com este tempo abafado vai ser já a seguir...hehehe
Belo prato! :)

Maria Tereza disse...

Ameixinha que linda história !! E as bolinhas de melancia?? Lindaaas !!:) Adorei a ideia !!Ameeeeeeei Beijos

gasparzinha (susana gomes) disse...

Amiga, que bolinhas tão lindas! Apetece. :)
Bjs

ameixa seca disse...

Rute, a tua filha tem muito bom gosto ;)
Rachel, fresquinha é mesmo impossível parar de comer :)
Mary, é uma boa ideia essa :)
Maria Tereza, muito obrigada :)
Gasparzinha, em bolinhas fica tudo tão mais engraçado e apetecível :)

Helena disse...

Ameixinha
Acho que nunca juntei laranja e melancia a não ser em sumos. Tenho de experimentar. Só te conhecia a faceta de poeta...linda história.
Boa semana!

Cidália disse...

Ameixinha, uma óptima sugestão.
Beijinhos

Moira disse...

Boa receita, a experimentar, sem dúvida.
E a história é enternecedora :) gostei muito.

Cláudia disse...

Adoro melancia, ainda há bocado foi a minha ceia. :)
Às bolinhas nunca comi, mas deve ser viciante, ainda por cima com esse "tempero", acho que nunca mais se consegue parar, não?
Bjs

familia antunes disse...

Gostei deste momento de reflexão...
Deus está sempre lá... e nas alturas mais difíceis... para nós é mais fácil dizer que Ele nos abandonou...pois olhando para trás só vemos um par de pegadas...
Mas estamos completamente enganados... é nessa altura que Ele nos pega ao colo...
Obrigado por partilhares...
E esta sugestão é perfeita...
Imagino o sabor...
Anotadíssimo...
Uma vez mais obrigado por partilhares... ;)
Beijinhos e boa semana...

Sandra G disse...

A vida é um bem precioso e só nos apercebemos disso quando por algum motivo ela fica na corda bamba!

Adoro melancia e com canela e laranja deve ser divinal.

P.s Agora percebo o comentário no face. ;)

Bjs

Andréa disse...

OLÁ AMEIXA!
LINDA HISTÓRIA UMA LIÇÃO DE VIDA, PRA DEUS NADA É IMPOSSÍVEL, TUDO NO TEMPO CERTO, NA HORA DE DEUS.
ESTAS BOLINHAS ESTÃO TENTADORAS, ÓTIMA SUGESTÃO.

BEIJOS.....

ameixa seca disse...

Helena, se combina em sumos, imagina assim?! Há facetas em mim que nem eu mesma conheço ;)
Cidália, obrigada :)
Moira, ainda bem :)
Cláudia, o tempero é que é viciante :)
Familia Antunes, é muito fácil deitar as culpas a Deus. As pessoas esquecem-se que não faltam diabos neste mundo :)
Sandra G, há coisas que eu não entendo, juro ;)
Andréa, completamente :)

Emília disse...

A maioria de nós só sente a presença de Deus em momentos difíceis, mas ele está sempre com a gente sim...
Adorei a melancia, uma combinação de sabores!
Beijinhos

Ginja disse...

Ameixinha, ficou muito bom! Todos gostaram :) Só não tirei foto porque não tenho colher parisiense! Cortei aos pedacinhos pequenitos. Fresquinha e deliciosa.
Um beijinho e boa semana.

"Manjares da Manu" disse...

Bela história!!!
Que bela sobremesa!!!

Bjs...

ameixa seca disse...

Emília, não há presença melhor :)
Ginja, tens que arranjar uma, deixam tudo tão jeitosinho :)
Manu, obrigada :)