domingo, 6 de julho de 2008

Uma torta direitinha!



Eu e a minha saga de enrolar tortas. Não tenho qualquer afeição pela arte do enrolanço. Embora às vezes me enrole toda em certas coisas ;)
Não querendo enrolar ninguém, passo já para a receita desta torta que ficou direitinha... yes!!!
Aproveitei algumas cerejas que me foram oferecidas (não enrolar ninguém tem as suas vantagens, quanto mais não seja, receber coisinhas boas dos vizinhos eh eh) e não resisti à tentação de tentar fazer uma torta de cerejas :) Baseei-me numa receita que encontrei na revista "Mulher Moderna na Cozinha" nº 106 (2005) mas fiz algumas alterações.

Ingredientes da massa:
3 ovos
4 gemas (usei 3)
250 g de açúcar (usei 230)
4 colheres (sopa) de leite morno
125 g de farinha
1 colher (sobremesa) de farinha maisena
1 colher (sopa) de manteiga amolecida
manteiga e aroma de baunilha q.b. (ainda não encontrei aroma de baunilha, está esgotado ou ninguém compra por cá)

Ingredientes do recheio e cobertura:
1 chávena de creme de pasteleiro (fiz o meu na hora)
2 dl de natas (não usei)
15 cerejas
50 g de chocolate (tablete)
cacau em pó (usei açúcar em pó)

Untei um tabuleiro (usei o do forno) com manteiga e forrei com papel vegetal também untado.
Bati os ovos com as gemas até ficar fofo. Juntei o açúcar e bati mais um bocadinho. Adicionei o leite e quem tiver e quiser adicione a essência de baunilha também.
À parte peneirei as farinhas e envolvi no preparado de ovos, alternado com a manteiga amolecida. Verti a massa no tabuleiro e levei ao forno por 15 minutos. Retirei e polvilhei com açúcar. Desenformei e deixei arrefecer.
Entretanto preparei o creme de pasteleiro: fervi 1,5 dl de leite com uma casca de limão. Retirei a casca do limão. À parte, misturei 45g de açúcar, duas gemas e 15g de farinha. Verti o leite em fio, mexendo sempre. Levei ao lume até engrossar.
Barrei o bolo com o creme de pasteleiro e polvilhei com cinco cerejas picadas (acho que mais ficava melhor). Enrolei a torta com a ajuda do papel vegetal (não foi preciso o pano para ajudar) e aparei as pontas. Não usei, mas pode cobrir-se com as natas batidas com 2 colheres de açúcar. Eu polvilhei com açúcar em pó. Derreti o chocolate com um pouco de leite no microondas. Como ainda não tenho saco de pasteleiro (aiiiiii, que tristeza! Comprei um rafeiro que se desfez na primeira utilização, a culpa não foi minha ok?) pus o chocolate numa saca plástica e cortei a ponta. Fiz risquinhas por cima da torta e depois pus as cerejas em fila. Pus chocolate em cima das cerejas. E prontinho :)



Gostei muito do creme de pasteleiro... muito fácil! Só acho que gastei muitos ovos e a torta ficou "piquena" (a nível de altura da massa), gosto quando cresce muito (lá vem a malandrice eh eh).

45 comentários:

anna disse...

Nem imaginas o que eu gostava de conseguir enrolar uma torta assim, direitinho...
Resta-me ficar a sonhar com a foto da tua, lol!
Beijinhos.

Marcos disse...

Ameixa que bela torta!!! Eu também não tenho nada...não estás sozinha. Um beijo. Marcos:*))

Natércia disse...

Minha linda Ameixinha a tua torta está mesmo 5 estrelas agora não tenho feito mas me aguarda. Um bjo. Natércia...

Cenourita disse...

Olá Ameixa
Essa parte da malandrice aposto que é só para nos distrair as ideias da gostosura e belezura que ficou a tua torta... Eu quero uma fatia, por favorrrr...

Beijocas***

claudia disse...

Epá....chego aqui e deparo-me com esta divindade! Para além de estar super perfeitinha!

edinha disse...

Uma torta linda de direita :)
Deve ter ficado mesmo boa,até apetece um bocadinho :)
Beijinho

Nana disse...

Olá amiga,
isso é um racambole na lingua daqui kkk
mas fica baixinho mesmo, ficou linda.
esta de parabéns.
bjs

Docestemperos disse...

Adoro tortas e esta tem um aspecto
divinal se pudesses enviar uma fatia não calhava nada mal.Um grande beijo!
amélia

cupido disse...

Caramba, estava a olhar para a torta e lembrei-me de uma que fazia há uns bons anos atrás, mas com recheio de chocolate; a receita era duma revista selecções do readers digest que na altura era publicada no Beasil. A receita chamava-se rocambole da gala; a nana antecipou-se, porque eu ia dizer mesmo isso. e realmente a massa não cresce muito.

Cláudia M. disse...

Ameixinha, parabéns pela técnica. Eu já fiz várias tentativas, mas as malvadas ficaram mesmo tortas...
Bjs

Vivian disse...

uaaaaalllll !!! sem coments !!!
bom domingo

Ziza disse...

Confesso que devido a minha habilidade rasa, minhas tortas são de montar e não de enrolar...

Axly disse...

Que delicia de "certa" essa a tua!
Amei... e com cerejas frescas então (acho que sejam frescas) deve ter ficado demais!
Kisss^^

R.correia disse...

tem muito bom aspecto,pasrabens

Noémia disse...

Esta torta tem um óptimo aspecto e deve ser mesmo boa. A ligação cerejas, chocolate e creme deve ter resultado bem! E repara, ela é comprida e está enrolada, um tabuleiro é largo,não podia ter crescido mais!

Nela disse...

EStá óptima Ameixinha,a tua torta(direita) eu por acaso faço o creme de pasteleiro com Maizena,mas interressa é ficar bom e a tua está óptima,andei uma altura das (tortas)agora parei,e olha a Noémia tem razão se a fizeres num tabuleiro,sem ser do forno, ela a torta irá ficar maior,assim como tabuleiro é grande,ficou mais pequena,mas está linda.As minhas ás vezes nem se podem ver querida. Beijito e boa semana para ti.

ameixa seca disse...

Anna, foi a primeira vez que enrolei uma torta. Deve ser sorte de principiante :)
Marcos, um dia eu hei-de ter ;)
Natércia, fico aguardando :)
Cenourita, eu é que me distraio com as malandrices :)
Claudia, ficou como devia :) Espero que as próximas também fiquem assim enroladinhas :)
Edinha, para mim foi tudo novo e ficou muito bom ;)
Nana, rocambole na línguia e, logo de seguida, desceu para o aconchego do estômago :)
Amélia, não sobrou nadinha :)
Cupido, também tenho uma receita para fazer com chocolate. Neste caso, tinha as cerejas para usar e aproveitei. Tens que fazer a tua para vermos a especialidade ;)
Cláudia, se calhar é suposto ficarem tortas (daí o nome) e não direitas como esta. Fui eu que errei a técnica ;)
Vi, obrigada pelo comentário sem comments eh eh :)
Ziza, eh eh. Acho que tive sorte. Vamos ver como saem as próximas.
Axly, eram cerejas fresquinhas ;)
Raquel, obrigada :)
Noémia, realmente foi feita no tabuleiro de forno que é maior que as formas. Tem lógica sim senhora. Obrigada :)
Nela, também tenho receitas de creme de pasteleiro com maizena mas esta dizia farinha normal e ficou igual, muito bom :)

Manuela disse...

Que torta mais linda. Afinal tens mesmo jeitinho para enrolar :P

Marizé disse...

Pois eu acho que ficou enrolada na perfeição, e eu fiquei enrolada na minha imaginação a tentar degustar virtualmente uma fatia.

bj

receitinhas da belinhagulosinha disse...

ficou maravilhosa ameixinha,jinhos grandes amiga

pipoka disse...

Esta tua torta servirá como um óptimo incentivo para me aventurar no "enrolanço" que é uma arte que não domino de todo...mas se também tinhas dificuldade e fizeste bem, talvez aja solução para mim!

bjs

Nani disse...

Bem.... para quem diz não ter muito jeito para a coisa... até que não se saíu nada mal, está muito bem enrolada, digo a torta..eh..eh..eh

Sylvia disse...

Eu enrolo e enrolo, mas no fim faco
Só nao dá certo mesmo meus rocambole que quebram quando enrolo. Inveja do seu !!!! Tao lindo

Agdah disse...

Parece que vc enrolou direitinho.

O tofu, como arroz e chuchu puros, é muito insípido, mas quando condimentado é muito legal. Eu acho.

janeca disse...

Ameixinha não vejo nada torto(há..há..estou a brincar)até está bem direitinha a dita,assim como a decoração ficou perfeita!!
Amiga já conheces com certeza o ditado(Mulher enrascada,é pior que um Policia Bebado)não é o teu caso soubes-te resolver o problema do saco,Há...Há...Há...mais uma brincadeira.

Gostei muito da tua tortinha,podes mandar uma fatia.

Bjinhos.

Saltapocinhas disse...

olha minha menina, para a "torta" crescer não se usa fermento!
há outras tecnicas que não vou explicar aqui. porque este é um blog de culinaria! ;)

a torta ficou LINDA!
e tu sabes enfeitar muito bem!
cá eu, quando consigo fazer já me dou por satisfeita e prescindo dos enfeites!
(o meu jeito com as mãos é quase nulo, mas ajeito-me a endireitar as tortas!!!)

Saltapocinhas disse...

esqueci-me de dizer que não sabia fazer creme de pasteleiro e afinal é fácil!!

Saltapocinhas disse...

(xiça, a pensar na torta esqueço-me do que vinha dizer!!)

se fizesses a torta num tabuleiro normal - mais pequeno - ela ficava mais grossa!

(isto hoje está mau, é da conversa e do adiantado da hora!!)

ameixa seca disse...

Manuela, afinal enrolanço é comigo :)
Marizé, só te posso dizer que ficou excelente. Com o creme de pasteleiro e as cerejas no meio ficou porreiraça ;)
Belinha, obrigada :)
Pipoka, a utilização do papel vegetal ajudou a enrolar a torta. Experimenta.
Nani, eu também me sei enrolar toda. Não sei é enrolar os outros... quer dizer, já sei enrolar tortas ;)
Sylvia, é bom enrolar bem quente... logo à saída do forno. Acho que quanto mais alta a massa pior é para enrolar.
Agdá, eu acredito que o tofu é muito bom com outros tremperos porque toma as caracteristicas deles. Eu provei só grelhado e não foi nada bom. Terei que experimentar outra vez ;)
Janeca, por acaso não conhecia esse ditado eh eh.
Eu tinha lido a dica do saco algures e aproveitei-a ;)
Saltapocinhas :O Estou a ver que a tua mente é mais poluída que a minha (ou será que a minha é demasiado poluída e já estou a imaginar coisas que não devia?) eh eh. Se te ajeitas a endireitar as tortas com as mãos, então não está tudo perdido ;)
O creme é bastante simples. Também pensava que seria mais complicado. E podes utilizar em qualquer recheio de bolos :)

ameixa seca disse...

A saltapocinhas está possuída ;) Juntou as palavras "torta" (com sentido malandreco), "mãos" e "grossa". E depois diz que é do adiantado da hora... deve ser deve eh eh.
Abraços!

Natural Naturalmente disse...

Sua torta ficou MARAVILHOSA, linda mesmo. A receita é de certeza guarda e experimentar.
Beijos
Márcia

aguas.reis disse...

A foto mostra tudo deve ter ficado divinal!!
Adorei o quiche abaixo!!

Bjs
Carla

PimientayChocolate disse...

que delicia de bolo! con cerezas, chocolate y crema pastelera, ummmmm riquisimo!un saludo, daniela

Samyzinha disse...

UHmmm eu queroooo!!!!!
Que lindo rocambole ameixinha!!!!!!
Pena que não gosto de cereja, acho-as muito doce, e doce não é comigo...rsrsrsrs
Nunca tinha visto uma massa tão amarelinha, tão linda!!
Parabéns, ficou muito lindo e apetitoso!!

Bjus... X:*

monica disse...

Bem, tu tens jeito, ficou mesmo redondinha, parabéns Ameixa.
Beijinhos
Ps. Vê se me mandas uma fatia por email!

COZINHAR COM OS ANJOS disse...

E pronto ficou linda!!!!Essa torta deve ser mesmo uma delicia. Sabes também me aconteceu uma vez com um saco dito pasteleiro,saia o creme por todos os lados menos pelo buraquinho.Foi para o lixo o saco.Eu a querer poupar.E depois tive de comprar um a sério.Comprei na Makro e até não foi caro e é mesmo a sério só foi mais 4 euros que o outro.Adoro vir ao teu cantinho sai-me sempre um sorriso.És o máximo beijinho carinhoso

mesa para 4 disse...

Adorei esta torta tão direitinha de fazer, ficou muito bonita já tens receita para "impressionar" e não enrolar ninguém hehe
Mil beijos

Rosa Eliza disse...

OI Ameixa Seca,esta torta deve ficar uma delicia para um fim de semana com chocolate quente com canela.Quanto o bolo de chuva a unica diferença é que vai iogurte na massa e assado,fica melhor ainda,pois não fica com gordura como os fritos.(mais light)

ameixa seca disse...

Márcia, experimenta. É muito bom este tipo de enrolar ;)
Carla, obrigada pela visita e pelo comentário. Volta sempre :)
Daniela, obrigada pela visita. Já fui dar uma espreitadela ao teu blogue e já sei que gostas da culinária portuguesa :)
Samy, substitui por outro fruto que te agrade. Eu pensei logo em morangos :) A massa ficou amarelinha mas nem usei ovos caseiros ;)
Monica, afinal até enrolo mais ou menos ;) Pena não dar para enviar por mail. Se fosse assim já nenhuma de nós passava nas portas ;)
Isabel, os raios dos sacos de pasteleiros são uma chatice. O meu à primeira foi para o lixo. Nunca mais comprei outro. Agora vai um saquinho e tá feito ;) Ainda bem que te consigo arrancar um sorriso neste momento mais complicado. Um grande abraço :)
Mafalda, agora só me falta conseguir um molotof como o teu. Os meus são primos do titanic e afundam-se sem ser preciso iceberg... Vá lá que vou enrolando :)
Rosa, é mesmo bom com um cafezinho, ou um sumo, Vai bem de quelquer maneira :)

ameixa seca disse...

* qualquer

Marcia disse...

Ficou LINDA! Parabéns, bjks

Magia na Cozinha disse...

Ficou ótima!
u fiz um rocambole a pouco tempo e amei a experiência. Mais fácil do que eu imaginava.
Bjs :)

ameixa seca disse...

Marcia, obrigada :)
Claudia, é verdade. Também achei mais fácil do que pensava que seria e fica super bom :)

Mena disse...

lool gosto da malandrice do teu blog :P e das receitas também ,esta parece apetitosa, estava a procura de uma sobremesa para levar ao jantar de final de ano... recomendas alguma em especial? :D
beijinhos, e ja agora.... BOAS ENTRADAS NO NOVO ANO 2010 cOM MUITAS RECEITAS E TACHOS À MISTURA!

ameixa seca disse...

Mena, malandrice? Qual malandrice? he he Quanto à sobremesa, a torta de cenoura faz sucesso, a tarte de nozes e chocolate também e o pan de nuez é muito bom. Depois há outras mas já dão mais trabalho e exigem mais tempo. Vê na etiqueta que diz "Natal". Encontras lá as minhas sugestões :) Feliz 2010!