sexta-feira, 26 de setembro de 2008

Cannelloni transformado em lasanha


As Quatro ragazze brasiliane nella cucina italiana lançaram um novo desafio. Depois da Polenta veio a Pasta. Como grande adepta de massas que sou, tinha que participar e convido desde já os visitantes a publicarem um prato de massa e enviarem a publicação para este e-mail.

Aproveitem que a crise económica ainda não chegou e contribuam com massa que, pelos vistos, até o Bush gosta... ai não que não gosta!!! No bolso todos gostamos... mas é mais o que sai do que o que entra!

Adiante... deixemo-nos de desgraças e vamos tirar a barriga de misérias com la bella pasta!

Ora, como me é normal, tive mais uma aventura culinária que envolveu muito palavrão com sotaque nortenho... porque eu não sou obrigada a engolir certas coisas sem retorquir e insultar! ;)

Estava eu tão contente para pôr a mão na massa que fui tentar fazer uma coisa nova que nunca tinha feito. Os cannelloni são muito lindinhos, todos enroladinhos como se estivessem tímidos. Pois, pois, o que eles querem é que lhes enfiem qualquer coisa no buraco... Perversa eu, já sei ;)

Que se lixe... pelo menos vou sorrindo :)

O que é certo é que ao invés de comprar cannelloni já prontinho, decidi comprar umas placas de lasanha e enrola-las eu mesma. Quem se enrolou fui eu...
Valham-me os santinhos!!! Eu enrolava e os rolos partiam-se todos. A massa era fresca e eu li que não era preciso cozer antes. Mas também não dizia que dava para fazer cannellonis.
Depois de uma sessão imprópria de insultos e de muita massa a voar para o chão e para a bancada... depois dos olhares reprovadores do Zézinho e do Matias... depois da minha mãe ter ouvido que, se calhar, não íamos ter almoço, eu resolvi refazer o meu plano e fazer das placas aquilo para que elas serviam: lasanha!

De cannelloni com frango e nozes passei para lasanha de frango com queijo-fresco. As nozes saíram de cena porque achei que não íamos mesmo ter almoço e não as quis gastar ;)

E saiu isto que podem ver a seguir...


Tem bom aspecto não tem? Mas será que ficou bom?

Primeiro vou contar como fiz, vai a receita original de cannelloni que pode ser transformado em lasanha caso a coisa corra mal. Encontrei-a num livro fantástico que se chama "Boas receitas para uma boa saúde".

Diga-se de passagem que a receita me deixou o sistema nervoso em frangalhos (qual boa receita para uma boa saúde, qual quê?) mas, a receita em si, só tem 465 calorias por pessoa. A receita que se segue é para 4 pessoas mas eu só fiz metade porque eramos duas.


Ingredientes:

75g de miolo de noz picado finamente

175 g de frango cozinhado, desossado, sem pele e picado (usei 175g de peito de frango cozido numa pitada de sal e achei muito pouco até para duas pessoas)

1/4 de colher de chá rasa de noz-moscada ralada

125 gr de requeijão (não usei porque não tinha no hipermercado)

125 gr de queijo fresco

12 cannelloni prontos a rechear (isto foi a minha desgraça!)

30 g de margarina poliinsaturada

30 g de farinha

pimenta-preta moída na altura

4,5 dl de leite magro

1 folha de louro

400 g de tomate pelado de lata picado

30 g de queijo parmesão ralado


Preparação:

1. Guarde uma colher de sopa de miolo de noz. Misture o resto com o frango, a noz-moscada, o requeijão e o queijo fresco e recheie os cannelloni. (Eu lá fiz tudo direitinho e dispus colheradas do recheio nas placas de lasanha, enrolei e coloquei numa travessa. Virei costas e quando olhei estavam os rolos todos quebrados e o recheio a olhar para mim, a pedir que o salvasse.)

2. Para fazer o molho, derreta a margarina em lume brando. Polvilhe com a farinha, tempere com pimenta e deixe cozer um minuto. Deite o leite a pouco e pouco, mexendo sempre, junte o louro e deixe engrossar, sem parar de mexer. Retire o louro (Este molho é o chamado molho béchamel na versão light).

3. Deite o tomate num pyrex e por cima distribua os cannelloni numa só camada. Cubra com o molho e polvilhe com o queijo e o miolo de noz. (Como já disse, cannelloni virou lasanha e, por isso, dispus o tomate e uma placa de lasanha, uma camada de recheio, duas placas de lasanha, uma camada de recheio, duas placas de lasanha e, por fim, o molho, o queijo e substituí as nozes por oregãos secos.)

4. Tape com papel de alumínio e leve ao forno aquecido durante 15 minutos. Destape e deixe alourar por cima durante cerca de 20 minutos.

Resultado: Eu devo dizer que, depois do que aconteceu ao enrolar as placas de lasanha, nunca mais acreditei que a coisa fosse dar certo. Meti a lasanha ao forno e pensei que não ia almoçar. Condenei a lasanha à partida. Aquilo parecia-me que não ia cozer, apesar de cheirar bem e ter bom aspecto. Quando saiu do forno olhamos para a travessa e dissemos: "Seja o que Deus quiser!"

E não é que o Homem estava do nosso lado. Ficou fantástico e a travessa ficou limpinha :)

Mas vou comprar cannellonis e tentar de novo. A lasanha ficou excelente ;)

Participem do desafio... o pior que pode acontecer é terem uma história manhosa como a minha para contar :)


Buona fine di settimana!!! Isto só me falta um Italiano à mesa eh eh

44 comentários:

Vitor disse...

Ameixa tu e as tuas aventuras!!!Bem tive a ler e fiquei mais uma vez encantado com as tuas histórias?Ficaram lindos e deu para comer é isso mesmo que a gente quer...um beijinho Vitor:))--

Nana disse...

Fiquei pensando e pensando aqui com os meus botãozinhos, o que deu errado...
fiz semana passada e não quebrei nenhuma, enrolou que foi uma beleza.
Comprei massa pré cozida.
A sua massa acredito que esteja um pouquinho passada para quebrar amiga, para ela se quebrar facilmente desse jeito.
Mas na Italia não tem erro, por causa das fortes guerras que aconteceram lá, nada se jogava fora e tudo era reaproveitavel.
Vc seguiu os pensamentos italianos hahahahaha
Ficou uma lasanha linda e apetitosa.
Bjs

Martuxa disse...

Já me puseste a rir com as aventuras das placas de lasanha :D
Mas no meio da "confusão" toda saiu uma lasanha bem apetitosa a ver pelas fotos!

Beijinhos

turbolenta disse...

lol lol lol

Ai minha querida....acontecem estas"desgraças" tanta vez! Mas nem assim a pessoa vai deitar fora a comida. O pior mesmo é quando um filme destes acontece quando estamos a preparar uma refeição para as visitas.
Por estas e por outras é que confeccionar algo novo em dia de festa está mesmo fora de questão.
Mas uma coisa digo esta "canelasanha" ou lá como lhe queiram chamar tem um belíssimo aspecto e eu não me importava mesmo nada de ter participado nesta experiência gastronómica.
Se cada uma de nós publicasse os seus desastres na cozinha, havia blogues bem engraçados!
Seriam tardes bem passadas a ler estas desventuras. Assim, nem gastavamos dinheiro para irmos ver a mamma mia.
lol lol

bom fim de semana

Margarida disse...

É bem verdade. Acho que os desastres gastronómicos nas nossas cozinhas davam um blog extraordinário. Mas deixa-me que te diga, essa lasanha ficou super apetitosa!! Mesmo a pedir que lhe espete o garfo!
beijinho

ROSA E OLIVIER disse...

gostoso!...e para ti...

"te amo en silencio
e só o silencio sabe."

e no "poetas á mesa"...!?

Wservir disse...

Boa tarde,

O seu blog / Site chamou a atenção dos nossos colaboradores pela qualidade das suas receitas.

Ficaríamos muito gratos se você regista-se o seu site / blog no Ptitchef.com.

Ptitchef é um diretório com as melhores referências de sites de cozinha na web. Centenas de blogs espalhados pelo mundo já estão registados, aproveite para conhecer o site Ptitchef.(www.ptitchef.com ou http://pt.petitchef.com)


Para se inscrever no Petitchef clique aquí http://pt.petitchef.com/?obj=front&action=site_ajout_form ou no link http://pt.petitchef.com e clique em "Adicionar o seu blog-site" sobre a barra laranja.


Atentamente,

Octávio
Ptitchef.com

Sylvia disse...

Hahaha , Morri de rir com a sua aventura, pois me vi refletida em varias aventuras , alias desaventuras que já tive. Sabe que quando minha mae voltou de Portugal , tinha o #se calhar " muito na ponta da lingua e cada vez que ela pronunciava essa frase , eu tinha crises de panico, porque logo após o se calhar vinha enseguida um nao ..haha.Adorei esse post, e no fim seu caneloni/lazanha, ficou com um aspecto otimo.
Beijos

Ana Powell disse...

Adoro as tuas histórias e fiquei pegadinha a lêr as palavras todas.
A tua lasanha "acaneludada" ficou uma maravilha e gostosa sem dúvida nenhuma.
A assadeira está com "bestigios" de uma boa raspadela. Tenho a certeza que ninguém se queixou.
Beijinhos

mesa para 4 disse...

hehehe...pois...mas ficou linda...beijinhos

Cláudia M. disse...

O que eu dava para ter visto esse filme! Mas olha, apesar de a massa não se ter deixado enrolar, deste-lhe bem a volta e, pelo aspecto, o resultado deve ter sido bem bom!
Continua.
Bjs

UMA CASA NO NORTE disse...

Ficou com um aspecto óptimo. Nunca fiz lasanha / cannelonis com frango, mas hei-de experimentar.
Beijinhos

cupido disse...

Já me fartei de rir com essa "desventura". (imagino o chorrilho de linguagem vernácula, pelo menos o que eu diria se me acontecesse o mesmo...)

Mundo de Alice disse...

Ameixa
ri demais
mas é tragicomica esta história
e a lasanha ficou com uma cara ótima
beijos

COZINHAR COM OS ANJOS disse...

Pronto mais uma vez sai daqui bem disposta:))))Só tu Ameixa,mas soubeste dar a volta à situação(ou canelonis).Que rica lasanha.Pronto filha eu tapei os ouvidos não ouvi o vocabulário.Beijinhos carinhosos

ameixa seca disse...

Vítor, esta cozinha é um campo de batalha :) Dá sempre para contar umas histórias engraçadas ;)
Nana, eu não sei o que se passou mas fico contente por saber que, se calhar, tenho um bocadinho de sangue italiano ;)
Martuxa, ainda bem que deu para rir. Eu tenho a sorte de me conseguir rir das "desgraças" mas só depois de proferir uma cambada de palavrões eh eh
Turbolenta, é isso mesmo... uma "canelasanha" :) Eu cá publico tudo... é mais divertido e honesto ;)
Margarida, acho que sim... é uma boa ideia. Eu publico sempre... desgraças ou conquistas ;)
Rosa e Olivier, quanto romancismo... só falta a marmelada eh eh Vocês não me façam nada em silêncio porra! Senão como raio é que eu vou desencalhar? ;)
Octávio, já estou inscrita. Obrigada!
Sylvia, aqui o "se calhar" anda sempre na ponta da língua ;) Obrigada!
Ana, obrigada! É bom saber que há quem tenha paciência para ler tanto disparate ;)
Samma, por acaso até ficou... mas eu não esperava ;)
Cláudia, acho que vou ter que começar a gravar eh eh Ainda vou ter futuro na TV ;)
Lu, ainda não foi desta que experimentei os cannellonis mas a lasanha tens que experimentar. É muito bom :)
Cupido, imaginas não é? Gaja do norte é assim... alivia e eu sou tudo menos reprimida eh eh
Alice, põe tragicomédia nisto eh eh Uma aprendizagem divertida ;)
Isabel, ainda bem que consigo arrancar sorrisos ;) Acredita que era uma boa opção tapar os ouvidos! Nao foi nada bonito :)

risonha disse...

fartei-me de rir com a tua história e revi-me a mim mesma na cozinha quando as coisas não me correm bem... também me salta a tampa e digo uma carrada de asneiras.
mas a tua lasanha ficou linda... para a próxima tentas os canellonnis

Noémia disse...

Ameixinha, estou mesmo a ver-te à beira de um ataque de nervos, com lasanha para todo o lado e vontade de atirar ao ar com o resto! :)
Quem não passou já por situações idênticas? O que importa é que deu tudo certo, o aspecto é óptimo e "foi tudinho"! ;)

Fer Guimaraes Rosa disse...

Essa massa me deu agua na boca--e sao apenas 9 da manha aqui ainda! :-))

beijoo grande,

Odete disse...

Ameixita, seu bom humor eh contagiante. Adorei essa desaventura que resultou muito bem.
Beijos p/ ti e um super fim de semana.

moranguita disse...

Ameixita cá estou eu!!! ja me ri do outyro lado e aqui voltei a rir. Pode ter corrido mal no inicio mas teve um belo final. esta receita salta-me aos olhos e a boquinha já queria provar. Tenho de me atrec«ver a experimentar esta delicia.
Parabéns pelo teu blog e lindo, nunca tinha deixado comentário mas é hj esse dia.
beijinhos
moarnguita
http://docesdamoranguita.blogspot.com

menoscaloriasmaisvida disse...

Ameixinha,
para não variar fartei-me de rir com o teu post. Gosto muito da maneira como escreves.
Quanto a receita, parece-me excelente!! A experimentar.
Beijocas.
Susana.

Silvia Arruda disse...

O aspecto ficou tão bom que a travessa na foto de baixo mostra bem! hehe
Essa do italiano à mesa foi boa!! hehehe

Gina disse...

Estou conhecendo seu blog e já ri um bocado!
Quando uma receita não sai como o esperado, vale a experiência para transformá-la em outra...
Bjs.

Leonor de Sousa Bastos disse...

Ameixa,

As tuas histórias proporcionam-me momentos hilariantes... quase que te consigo imaginar às "turras" com a massa... ehehe... eu também fico irritadíssima quando algo não me corre bem, mas o mais importante é não desistir!:)
Acho que solucionaste a situação de uma forma perfeita... a travessa quase vazia no final diz tudo!...:)

claudia disse...

A lasanha ficou fantástica, ma stenho a dizer-te que também compro uma massa que diz que não é preciso cozer primeiro, mas eu dou-lhe sempre um escaldão de 1 minutinho para que possa moldá-la à minha maneira, caso contrário, parte-se toda!

edinha disse...

Grande aventura da transformação do cannelloni :)
Mas a verdade é que o aspecto está mesmo de abrir o apetite :)
Beijinho

Axly disse...

Ai Ameixinha... adoro teus contos.
Huahuahuahuahua.
No fim, tudo deu certo.
Fico aqui imaginando teus palavrões.. hahahhaha.
Kisss^^

Luciana Macêdo disse...

Com bom humor tudo se resolve, está aí o exemplo. Saiu uma lazanha para ninguém botar defeito.
Bjs!

ameixa seca disse...

Risonha, as minhas são diferentes... bai com sotaque do nuorte ;)
Noémia, alguns pedaços voaram mesmo e não foram salvos e essas situações acontecem-me de quando em quando. É saudável eh eh
Fer, também tenho vontade de comer certas coisas quando vejo nos blogues... e é a qualquer hora :)
Odete, muito obrigada querida :)
Moranguita, não ouvi a campaínha mas deixei-te entrar :) Muito obrigada!
Susana, muito obrigada. Ainda bem que se salvam os sorrisos no meio de tanta desventura ;)
Sílvia, pois é... não sobrou nada. Sorte o Italiano não aparecer senão não havia lasanha para ele :)
Gina, muito obrigada pela visita. A minha faceta de palhaça afinal serve para alguma coisa eh eh Volta sempre :)
Leonor, era mais à "chapada" e à "lambada" mas a coisa acalmou-se quando encontrei a solução :)
Claudia, para a próxima vou cozer a massa para ver se me corre melhor. Obrigada :)
Edinha, pois foi... mas lá consegui salvar alguma coisinha :)
Axly, obrigada :) E olha que o meu conto não foi nada exagerado... sorte eu não escrever os palavrões... senão passava de tragicomédia a terror :)
Luciana, tenho conseguido ultrapassar coisas más com muito bom humor... nem sei o que seria de mim se não fosse isso! Obrigada :)

Rose disse...

Amiga, me imaginei no seu lugar e ri muito pois já me ocorreu isso com alguma receita e é tragicômico mesmo, ainda mais se tiver uma turminha faminta esperando o desenrolar da coisa toda, rss.
A lasanha, ficou ótima, isso é que importa.
beijos.

anna disse...

Adorei a tua história... também não me importava de me ter sentado a essa tua mesa para provar a «lasanha atribulada»!
Beijinhos.

Canela disse...

Bem agora que já fizeste muita gente soltar gargalhadas,confesso que a tua lasanha está com um ar fabuloso e não fosse a historia contada ninguem diria...
Sabes acho muita piada aos canelonis,mas nunca compro,não tenho pachora para enche-los...

Manuela disse...

Ameixa eu me fartei de rir com tuas aventuras!Está linda nem parece que teve tão pouca sorte...bjs

Nani disse...

Ameixinha mas que ricas peripécias na cozinha para fazer canelloni de placas de lasanha....isto é que foi aventura e tanto, ainda bem que resultou num belíssimo prato e bem saboroso, bom fim de semana, bjs

moonlight disse...

Eh..eh... eu bem digo que a cozinha é um mundo de aventuras...
:)Bjs

Bergamo disse...

Os macarons são deliciosos, mas muito temperamentais....e o preparo deles tem alguns detalhes...
Estou para testar uma receita nova (essa da foto, que comi e aprovei), vou fazer no forno de casa e ver como fica, pois os da foto foram preparados em um forno combinado (o qual não tenho, por motivos óbvios!!!). Dependendo do resultado (rsrsrsr) te passo a receita e as dicas.
Abraços,
Bergamo

ameixa seca disse...

Rose, a sorte é que era só eu e a minha mãe e a minha mãe deixou-me à vontade para blasfemar :)
Anna, a situação resolveu-se... eu estava era à espera de um Italiano mas também eras bem recebida :)
Canela, estou a pensar juntar-me a um circo :) Eu resolvi contar as minhas peripécias, são sempre enriquecedoras ;)
Manuela, obrigada :)
Nani, acho que estava num dia de sorte (no meio de tanto azar) e salvou-se a lasanha :) E já ficou combinado eu fazer mais vezes!
Moonlight é mais que um mundo... é a via láctea de aventuras :)
Bergamo, boa sorte... fico à espera dos teus sábios conselhos e dicas ;)

Mamã Catarina disse...

É por isso é que gosto tanto de visitar este teu cantinho, porque saio sempre daqui a sorrir com as tuas historietas e experiências na cozinha :)

Quanto a esta lasanha ela até pode ter dado muito trabalho e muitos nervos, mas olha que tem um belíssimo aspecto! São apenas 10:05 e já fiquei com fome só de olhar, por isso vê lá :)

Beijinhos e bom fim de semana!!

Natural Naturalmente disse...

Ameixa, deixa lá o italiano e convida aqui a ex-Brazuca transformada em Portuga, para a sua mesa. A sua "Canezanha" tem um aspecto de comer... e comer... e comer nem fica espaço para chorar por mais.
Adorei o post, esta excelente.
Uma boa semana, calma, respira fundo e até o proximo prato.
bjs
Márcia

ameixa seca disse...

Catarina, ainda bem que consigo contribuir para a boa disposição da comunidade blogueira... sempre me sinto mais útil :)
O raio da lasanha ficou melhor do que eu imaginava ;)
Márcia, a mesa chega para italianos, brazucas e portugas ;)
Boa semana!

Vânia Costa disse...

Esta receita parece óptima =)

Vou adicionar-te no meu blog.
http://saboresdaalma.blogspot.com/

Passa por la. beijinhos e bons cozinhados*

Nysa disse...

hahaha... gostava de te ter visto na cozinha ;-) mesmo assim saí-te uma refeicao muito boa!!!

ameixa seca disse...

Olá Vânia, bem vinda :) Obrigada pela visita e pelo comentário. Passarei no teu blogue em breve.
Nysa, não foi bonito de se ver :)